CLIQUE EM Nossos anuncios.

CLIQUE EM Nossos anuncios.

Seguidores do Saber !

Direitos de Imagens

Direitos de Imagens
Toda imagem visualisada neste blog,são de origem do Google

quinta-feira, 18 de março de 2010

Meu filho tem TDAH, e agora?


Os pais que tem filhos com TDAH sabem que não é fácil educá-los, uma vez que eles parecem um "motorzinho de 220 voltz", mas também não se deve entrar em pânico, a questão é ter bastante paciência e seguir rigorosamente o tratamento prescrito pelo psiquiatra.

Estamos então deixando umas dicas para os pais ou educadores de como lidar com este motorzinho!

A primeira dica é ressaltar que o comportamento dos pais não causa na criança TDAH, mas pode agravá-lo. É muito importante que seja oferecida a ela um ambiente saudável, um lar feliz, com harmonia e carinho. O apoio também é fundamental, as crianças com TDAH são constantemente criticadas, por serem bagunceiras e muitas vezes se sentem frustradas por não corresponder as expectativas dos pais.

Nada de "faço o que eu digo, mas não faça o que eu faço"! É importante que se estabeleçam regras e que estas sejam cumpridas por todos. Assim a criança terá noção do que está sendo exigido à ela. Ter uma rotina faz com que se "organizem" melhor, uma vez que este é um dos problemas de quem tem TDAH.

Elogiar, elogiar e elogiar! A criança tem que perceber que seus esforços para vencer a ansiedade, a desatenção e a euforia em excesso estão sendo reconhecidos.

Tente adaptar tudo à criança. Ela precisa de limites, e não de um regime autoritário. Carinho, atenção e compreensão são essenciais.

Informe-se! Procure saber mais sobre o que acontece com seu filho. Lembre-se que há muitas limitações, por isso não exija muito dele. A melhor forma de lidar com as crianças portadoras de TDAH é a informação. Consulte livros, sites e claro os psiquiatras e neurologistas.

Fonte: http://www.tdah.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget

Crianças Felizes Demais Nosso Blog!